Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 24 de julho de 2010

É, OS TEMPO MUDARAM


Quem diria que algum dia gozando de bom estado mental, alguém iria abdicar ao comando da melhor e mais famosa seleção de futebol do mundo ?

Pois é, Murici Ramalho teve tal atitude, acreditem se quiser ! Após ser convidado pelo presidente da CBF durante o café da manhã em um Clube de golf na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, tudo o que já parecia certo, foi desfeito horas depois de outra reunião entre o treinador e a cúpula do futebol tricolor nas Laranjeiras. Durante a noite da mesma sexta-feira, a recusa fora anunciada no site da CBF e um novo convite desta vez ao treinador Mano Menezes atualmente no Corínthians fora anunciado.

O resultado acabou sendo conhecido hoje pela manhã após entrevista coletiva, na qual Mano confirmou o convite e revelou ter aceito o cargo tão desejado pelos melhores treinadores do mundo em sã consciência.

Acredito que todos que gostam do bom futebol e da seleção brasileira assim como eu, ficaram mais felizes e confiantes ao saberem que depois de quatro anos o selecionado nacional volta a ter um técnico de futebol de verdade, com conhecimento, experiência profissional e currículum, algo não visto nesses últimos anos na função.

Um comentário:

  1. Olá!
    Acho que a decisão do Muricy não reflete bem a vontade própria né, mas a necessidade de cumprir o contrato com o clube...
    De qualquer forma, concordo com o resto: acredito que estão todos satisfeitos com a escolha final.
    Abraço!

    ResponderExcluir