Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 21 de abril de 2010

Grande, imponente,marcante para o futebol, para a política , para o samba, para o Brasil, parabéns São Januário !



Hoje 21 de abril de 2010 o estádio de São Januário completa 83 anos de idade. Oitenta e três anos de inúmeros momentos importantes e marcantes para o futebol, para a política nacional, para a música e até para o samba carioca .

Construído com a iniciativa e recursos próprios de vascaínos ilustres, diretores do C.R.V.G. e personalidades da comunidade portuguesa das década de vinte no Rio de Janeiro teve sua pedra fundamental colocada em 6 de junho de 1926, quando da assinatura do prefeito do Distrito Federal, Alaor Prata. Para a construção foi chamada a firma dinamarquesa Cristiani & Severo. Ricardo Severo foi nomeado o arquiteto responsável pelo projeto.

Dez meses depois, o Estádio era inaugurado, com a presença do presidente Washington Luís para se tornar o maior estádio do mundo novo. Até 1930, quando houve a inauguração do Estádio Centenário em Montevidéu (para a primeira Copa do Mundo) era o maior das Américas. Até 1940, quando da inauguração do Pacaembu, o estádio era o maior do Brasil, e até 1950, na inauguração do Maracanã, era o maior do Rio de Janeiro. Após estes 83 anos desde sua inauguração, este templo do futebol continua sendo o maior estádio particular da cidade.

São Januário foi palco de vários discursos políticos do então presidente Getúlio Vargas para a população, treinamento pra militares brasileiros da segunda guerra mundial e inclusive a assinatura da CLT na tribuna presidencial do estádio.

Mas além da forte presença política no estádio, São Januário foi palco de verdadeiros shows de Heitor Villa Lobos e até mesmo de desfiles de escolas de samba do Rio de Janeiro em 1945, este ganho pela Portela, uma vez que a Praça Onze, palco dos desfiles estava em obras para a construção da Avenida Presidente Vargas. Deixando assim a marca em São Januário de ter sido o único estádio de futebol do Brasil a receber desfiles de escolas de samba.

Porém, como um verdadeiro e bom estádio de futebol, São Januário serviu mesmo de palco para verdadeiros Deuses da bola, por lá passaram somente jogando pelo Vasco sem contarmos por outros grandes clubes do mundo jogadores como, Ademir, Barbosa, Bellini, Orlando, Roberto Dinamite, Romário, Dener, Bebeto, Edmundo e muitos outros.

Em São Januário a seleção brasileira venceu o sul-americano de 1949 com uma goelada de 7 x 0 sobre o Paraguai. Ao todo a seleção canarinho se apresentou em gramados vascaínos 23 vezes, com 19 vitórias, um empate e três derrotas, sendo o último jogo realizado em 1993 contra o Paraguai com vitória brasileira por 2 x 0.

Lá também o craque Edmundo quebrou o record de seis gols em um único jogo pelo campeonato brasileiro de 1997, Vasco 6 x 0 União São João de Aráras, ainda em São Januário outro craque, Romário marcou seu milésimo gol na carreira contra o Sport Recife pelo campeonato brasileiro no dia 20 de maio de 2007 na vitória por 3 x 1 do time carioca.

Neste histórico e lindo estádio o Vasco da Gama desfilou grandes times como o expresso da vitória, um dos maiores times do Brasil que brilhou na década de quarenta, foi primeiro time brasileiro campeão fora do Brasil, ganhando o sul-americano de 1948 e cinquenta anos depois em 1998, o Vasco da Gama em seu estádio ganhou o primeiro jogo da final da Copa Libertadores da América contra o Barcelona do Equador por 2 x 0, e na semana seguinte no Equador vencendo por 2 x 1 garantiu seu segundo título sul-americano iniciado em São Januário.

Hoje no complexo de São Januário, além do estádio, existem piscinas aonde em 1998 foram disputadas etapas do mundial de natação, uma escola para jogadores das categorias de base do Vasco da Gama e um hotel para os jogadores profissionais.

Grandes momentos, reformas e mais marcas históricas não estão fora dos planos da diretoria vascaína, em 2016 nos jogos olímpicos do Rio de Janeiro, o estádio será a sede dos jogos de rugby.

Um lugar com tanta história e tradição tem hoje a sua fachada tombada pelo patrimônio histórico artístico nacional com absoluto merecimento . É claro que por ser um estádio muito antigo, reformas e modernizações sempre serão necessárias, porém para quem já esteve no estádio de São Januário, a beleza arquitetônica, a elegância do início do século XX fazem daquele estádio uma jóia do futebol carioca e brasileiro.

Parabéns São Januário !

2 comentários:

  1. Parabéns São Januário,

    Que continue sendo palco de grandes conquistas e alegrias.

    ResponderExcluir
  2. Legal saber que além de ter feito parte da história está nos planos que em 2016 ele continue fazendo.

    ResponderExcluir